SEAL Team e Evil migrarão para o Paramount+

SEAL Team e Evil migrarão para o Paramount+

A CBS divulgou sua grade de programação para a próxima temporada e entre as mudanças de horários, blocos de séries da mesma franquia e reprises aos sábados, duas produções do canal irão para o serviço de streaming da ViacomCBS, o Paramount+: Evil e SEAL Team serão realocadas para a plataforma na próxima temporada.

A migração das séries já era comentada na mídia especializada americana, em projeto da Paramount+ em intensas conversas nos último dias, tentando o acordo para a transferência das séries junto à produtora, CBS Studios. Enquanto isso, outra produção do estúdio também está sob negociação, Clarice, deverá ser a terceira série a passar ao streaming. Todos os três shows tiveram audiências melhores nas visualizações digitais do que na CBS, o que justifica a troca. SEAL Team, por exemplo, figura entre os dramas mais assistidos da CBS no Paramount+.

George Cheeks, Presidente e CEO da CBS Entertainment Group comentou sobre a migração das séries:

Nosso estúdio e emissora possuem um forte histórico de desenvolvimento de dramas de alta qualidade que têm sucesso multiplataforma e essas séries falam dessa força. Esses movimentos marcam outro exemplo de como nosso ecossistema linear e de streaming podem trabalhar estrategicamente em conjunto para maximizar o valor para o conteúdo e beneficiar as séries e seus criadores.

O drama militar estrelado por David Boreanaz, o qual está atualmente na quarta temporada, terá seu quinto ano ainda na CBS na próxima grade, com a exibição de alguns dos primeiros episódios (provavelmente quatro) exibidos na emissora antes da transferência completa para o Paramount+. Já a segunda temporada de Evil estreará diretamente na plataforma. Além disso, as temporadas anteriores das duas produções já estão disponíveis no serviço.

Para a CBS, o anúncio faz com que a emissora abra espaço em sua grade de programação, uma vez que novas séries foram encomendadas pelo canal, como as novas franquias de CSI, NCIS e FBI, além do drama médico Good Sam. A CBS também está diversificando sua programação, ao diminuir a participação de produções roteirizadas e ampliando o espaço de programas sem script.

Já para a ViacomCBS, a manobra é mais um passo estratégico para aumentar o potencial das séries e produções no serviço de streaming, que já teve movimentos recentes como as movimentações de Younger e Halo, do Showtime para a Paramount+.

SEAL Team é um drama militar que segue as vidas profissionais e pessoais da maior equipe de elite dos marinheiros americanos enquanto eles treinam, planejam e executam as mais perigosas e arriscadas missões que os EUA podem pedir a eles. Estrelada por David Boreanaz, conhecido por Bones, Max Thieriot, Neil Brown Jr., AJ Buckley e Toni Trucks, a série é produzida pela CBS Studios. Spencer Hudnut, Christopher Chulack, Sarah Timberman, Carl Beverly e David Boreanaz são produtores executivos.

Evil é um mistério psicológico que examina as origens do mal através da linha que divide a ciência e a religião. A série foca numa psicologista cética que se une a um padre em treinamento e um empreiteiro enquanto investigam o acúmulo de mistérios inexplicáveis da Igreja, incluindo supostos milagres, possessões demoníacas e assombrações. Estrelada por Katja Herbers, Mike Colter, Aasif Mandvi, Michael Emerson, Christine Lahti, Kurt Fuller, Brooklyn Shuck, Skylar Gray, Maddy Crocco e Dalya Knapp, Evil é produzida pela CBS Studios em associação com a King Size Productions. Robert King, Michelle King, Liz Glotzer e Rockne S. O’Bannon são produtores executivos.

Sigam-me os bons: