“Red: Crescer é uma Fera” terá estreia direta na Disney+

“Red: Crescer é uma Fera” terá estreia direta na Disney+

O novo filme da Disney e Pixar, “Red: Crescer é uma Fera”, não terá estreia nos cinemas em março. No lugar, o longa terá estreia exclusiva na Disney Plus no mundo todo, devido à grande diminuição de salas de cinema disponíveis para exibir o título e num período que a variante Ômicron do coronavírus segue ativo. Será o terceiro filme da Pixar a pular as exibições em cinema e ser lançado diretamente no Disney+, após “Soul” e “Luca”.

Nos mercados internacionais onde a Disney+ ainda não está disponível, “Red: Crescer é uma Fera” terá estreia nos cinemas, com datas que deverão ser anunciadas em breve.

Segundo o portal Deadline, seria prudente para a Disney saber previamente em seus diagnósticos se um filme deve ser lançado nos cinemas ou na Disney+, sendo algo justo para os cinemas, que tiveram cenários verdadeiramente desafiadores durante a pandemia. Se a Disney não possui confiança em lançamento nas salas de cinema, não precisariam reservar a data, uma vez que as redes de cinema estão esperando pelo produto e contando com certos rendimentos e lucros, ainda mais se tratando de lançamentos como os da Pixar.

De acordo com o Samba TV, que mede os números de exibições dos serviços de streaming, o filme “Soul” garantiu em seu primeiro final de semana uma audiência de 2,4 milhões de TVs smart entre 25 e 27 de dezembro de 2020. Samba TV não monitorou o longa “Luca”.

No ano passado, quando os cinemas começaram a reabrir em New York e Los Angeles, a Disney lançou “Raya e o Último Dragão” nos cinemas e na Disney+. A rede de cinemas Cinemark inicialmente se recusou a exibir o longa de acordo com esses termos. O filme derrapou nas bilheterias, rendendo 54,7 milhões de dólares.

Sigam-me os bons: