“No Way Home” passa “Avatar” na bilheteria americana

“No Way Home” passa “Avatar” na bilheteria americana

O terceiro filme do “Homem-Aranha” de Tom Holland deixou “Avatar” para trás. Pelo menos na bilheteria americana. O longa da Sony ultrapassou os 760,5 milhões de dólares que o filme de James Cameron de 2009 arrecadou, tornando-se assim a terceira maior bilheteria da história do mercado cinematográfico americano, com 760,988 milhões de dólares arrecadados, segundo números oficiais da Sony.

A marca foi batida após uma sólida audiência de pouco mais de US$ 1,6 milhões no Valentine’s Day, o Dia dos Namorados dos Estados Unidos, com exibições ainda em 3300 cinemas. “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa” consegue a marca em 60 dias, na nona semana após o lançamento exclusivo nas telonas. Para “Avatar”, a marca levou cerca de nove meses, ainda com a estratégia de aumentar o público no re-lançamento em 2010, que somou mais 10,7 milhões de dólares à bilheteria da ficção científica (que o Tio Du não entende até agora o motivo desse hype todo por um filme tão ‘mé’).

As marcas do Cabeça-de-teia são ainda melhores considerando que o longa permaneceu no topo das bilheterias em 6 das 9 semanas que está em cartaz, sendo a segunda melhor marca de um filme no milênio após “Avatar”, que teve sete finais de semana no topo. “Homem-Aranha” é parte de um grupo de filmes que inclui o original “Retorno dos Jedi”, “O Fugitivo”, “Rain Man”, “Rocky IV” e “Laços de Ternura” – os quais conseguiram se manter no topo durante 6 semanas durante a exibição nos cinemas.

Embora tenha passado “Avatar” na bilheteria americana, o longa de James Cameron permanece no posto mais alto das maiores bilheterias de todos os tempos (de novo, por quê?), com US$ 2,84 bilhões arrecadados, a frente de “Vingadores: Ultimato” da Disney/Marvel, que arrecadou US$ 2,79 bilhões sem precisar ser relançado mais de uma vez para alavancar os números, em segundo. Na bilheteria geral, “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa” é o sexto maior título mundialmente, com um total de 1,8 bilhões de dólares, lembrando-se sempre que o longa não estreou na China, não possuindo ainda uma data prevista de lançamento.

Sinceramente, o Tio Du espera que o longa tire o posto de “Avatar” também na bilheteria mundial, mas é capaz que a própria Disney, que após a compra da Fox é dona dos direitos do longa, relance o filme pela 38ª vez para inflar novamente os números, ainda mais considerando que “Avatar 2” – o filme que ninguém pediu e conseguiu uma continuação – chega aos cinemas em 16 de dezembro após mais de seis anos de produção.

Acima de “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa”, o pódio tem o longa “Star Wars: O Despertar da Força” de 2015 com US$ 936,6 milhões e “Vingadores: Ultimato” com US$ 858,3 milhões, sendo bem improvável que o Teioso ultrapasse as marcas, uma vez que a mídia especializada estima que o longa chegará na marca dos US$ 785 milhões. “Despertar da Força” levou 20 dias e “Ultimato” 23 dias para passarem das marcas de 760 milhões de dólares.

A Sony ainda espera mais um ótimo rendimento das bilheterias com Tom Holland com “Uncharted: Fora do Mapa”, primeiro lançamento do ator após “No Way Home”. A indústria cinematográfica estima que o longa consiga de 30 a 35 milhões de dólares em sua estreia, sendo que o filme já obteve US$ 22 milhões em 15 mercados onde já estreou. O próximo filme da Sony com a Marvel é “Morbius” com Jared Leto, que chega em 31 de março no Brasil.

Sigam-me os bons: