“Yellowstone” é renovada para a quinta temporada

“Yellowstone” é renovada para a quinta temporada

A Paramount Network confirmou oficialmente a quinta temporada para sua queridinha “Yellowstone”, fazendo com que a família Dutton tenha mais histórias pasa contar. A renovação não chega a ser uma novidade, visto que a série protagonizada por Kevin Costner possui audiências sólidas em um cenário onde o número de espectadores tende a cair. Segundo a empresa, a estreia da quarta temporada foi assistida por mais de 14 milhões de pessoas.

Conforme aponta o portal Deadline, Taylor Sheridan, que co-criou a série e é um dos ativos mais valiosos da ViacomCBS, já havia dito no final do ano passado que a quinta temporada do drama western seria filmado em maio.

John Dutton (Kevin Costner) terá a presença mais regular do casal de personagens interpretados por Jen Landon e Kathryn Kelly, que agora foram promovidas ao elenco regular ao lado de Luke Grimes, Kelly Reilly, Wes Bentley, Cole Hauser, Kelsey Asbille, Brecken Merrill, Jefferson White, Forrie Smith, Denim Richards, Ian Bohen, Finn Little, Ryan Bingham e Gil Birmingham, que retornarão. Jen Landon entrou para a série na terceira temporada, enquanto Kathryn Kelly ingressou no show no quarto ano.

“Yellowstone” é produzida pela 101 Studios e MTV Entertainment Studios e segue a família Dutton, liderada por John Dutton, que controla a maior fazenda de gado contígua dos EUA. Em meio a alianças mutáveis, assassinatos não resolvidos, feridas abertas e respeito conquistado com muito esforço – o rancho está em constante conflito com seus vizinhos – uma cidade em expansão, uma reserva indígena e o primeiro parque nacional americano.

A série é exibida nos Estados Unidos no Peacock, serviço de streaming da NBC Universal. No Brasil, as quatro temporadas podem ser encontradas na Paramount Plus via streaming e nos VODs da Claro (Now) e Oi Play. “Yellowstone” tem produção executiva de Taylor Sheridan e o co-criador John Linson ao lado de Kevin Costner, Art Linson, David C. Glasser, Bob Yari e Stephen Kay.

Sigam-me os bons: