Prequel de “Onze Homens e um Segredo” está em desenvolvimento

Prequel de “Onze Homens e um Segredo” está em desenvolvimento

Já diria o Tio Du por outras 525 vezes: A moda em Hollywood é fazer prequel, reboot, remake e sequências. Está proibida a criatividade. A mais recente notícia sobre um novo capítulo de uma história antiga é referente a “Onze Homens e um Segredo”. Um prequel está sendo desenvolvido, com Margot Robbie (“O Esquadrão Suicida”) escalada para estrelar a comédia de assalto sobre vigaristas que roubam centenas de milhões de um cassino de Las Vegas.

Embora o longa já tenha iniciado seu desenvolvimento na Warner Bros., ainda não recebeu sinal verde do estúdio. Jay Roach, que trabalhou anteriormente com Robbie no drama de assédio sexual no local de trabalho de 2019, “O Escândalo”, está dirigindo o filme. Carrie Solomon está trabalhando no roteiro, que deve acontecer longe da Cidade do Pecado, na Europa dos anos 1960.

O título ainda não foi confirmado, mas “Oito Mulheres e um Segredo” já foi reivindicado pelo reboot de 2018 com troca de gênero, liderado por Sandra Bullock, Cate Blanchett e Anne Hathaway. Em relação ao título original, esse “problema” faz mais sentido, uma vez que “Onze Homens e um Segredo” tem o título original de “Ocean’s Eleven” e “Oito Mulheres e um Segredo” ganhou o título de “Ocean’s Eight”, então o estúdio pode ter que se contentar com outro número para a missão de Robbie.

Como o filme não tem oficialmente o aval do estúdio, sempre há uma chance de que ele não se concretize. Mas se tudo correr como planejado, a próxima aventura de “Ocean” entrará em produção na primavera de 2023. Para complicar a linha do tempo, no entanto, é a realidade de que Robbie estará ocupado promovendo outro filme para a Warner Bros. “Barbie”, de Greta Gerwig, está programado para estrear em julho de 2023. Isso significa que Robbie passará grande parte do verão em uma turnê de imprensa, falando sobre a amada boneca de plástico.

Vale lembrar que “Onze Homens e um Segredo” já é um reboot, de filme de mesmo nome de 1960, que contava “apenas” com Frank Sinatra como Danny Ocean, além de ter Dean Martin, Sammy Davis Jr., Peter Lawford e Angie Dickson no elenco. Steven Soderbergh rebootou “Onze Homens e um Segredo” em 2001 e aproveitou o sucesso comercial e de crítica do filme em uma trilogia, estrelada por George Clooney, Matt Damon e Brad Pitt. A Warner voltou à franquia pela última vez com “Oito Mulheres e um Segredo”, de 2018, estrelado também por Anne Hathaway, Mindy Kaling, Sarah Paulson, Rihanna, Helena Bonham Carter e Awkwafina e arrecadou quase US$ 300 milhões nas bilheterias globais.

Além de liderar o elenco (ainda não revelado), Margot Robbie produzirá o filme por meio de sua empresa Lucky Chap. Roach, cujos créditos também incluem “Austin Powers” ​​e “Entrando numa Fria Maior Ainda”, também atuará como produtor.

Indicada ao Oscar por “Eu, Tonya” e “O Escândalo”, Robbie recentemente reprisou seu papel como a criminosa maníaca Harley Quinn na aventura de quadrinhos do diretor James Gunn “O Esquadrão Suicida”. Ela tem vários filmes em andamento, incluindo o mistério de assassinato de David O. Russell na década de 1930 “Amsterdam” e a peça de época de Damien Chazelle “Babylon”.

Sigam-me os bons: